Novidades

Por: comKids (Redator)

alys

Alison Stewart

Com 25 anos de experiência em produção de televisão, Alison Stewart tem uma longa história na BBC. Desde 2010 assume a direção de produção, animação e aquisições do CBeebies, canal dedicado a crianças de até 6 anos de idade. Alison lidera a equipe que cria, desenvolve e produz conteúdos para TV, mídias interativas e rádio para os pequenos, da qual faz parte o Daniel Bays, produtor criativo que estará conosco no comKids Primeira Infância, nos dias 17 e 18 setembro.

Alison conversou com a gente sobre o canal e sobre os programas que eles desenvolvem. Veja quanta coisa linda!

Katie Morag2

Katie Morag – Série Cbeebies

Qual é a missão do CBeebies? Quem são as crianças às quais vocês dirigem seus conteúdos?

Temos como objetivo produzir conteúdos para crianças de até seis anos de idade, para seus pais e cuidadores. Nos preocupamos em produzir conteúdos que refletem a vida das crianças do Reino Unido em toda sua diversidade. Nosso lema é “Lighting up little learners” (“Ajudando a criar novos aprendizes”, trad. livre). Queremos criar conteúdo de entretenimento educativo para todas as plataformas – TV, internet, celular, aplicativos e rádio  – que podem ser acessados pelo site da CBeebies. Nós também realizamos eventos ao vivo e buscamos projetos que nos possibilitem chegar mais perto de nossas audiências e de engajá-los com nossos conteúdos.

Você considera que o comportamento das crianças em idade pré escolar está mudando? Quem são as crianças de hoje?

Se pensarmos em termos de como as crianças de pré-escola vêm consumindo conteúdos hoje em dia, o seu comportamento teve uma grande mudança. Eles abraçam a tecnologia digital desde uma idade bastante precoce e esperam encontrar os seus títulos favoritos em cada plataforma e em cada dispositivo! Porém, no que diz respeito aos personagens, as histórias e atividades que eles amam participar, as crianças de pré-escola são basicamente as mesmas de sempre. E eu acredito que os estágios de desenvolvimento físico, emocional e intelectual ainda seguem em larga medida os mesmos padrões que sempre seguiram.

A CBeebies está colocando muitos  esforços em outras plataformas para a pré-escola. Como e quanto eles respondem à internet e aos jogos?

Como dito acima, nós disponibilizamos o conteúdo da CBeebies em muitas plataformas. Do mesmo modo que na TV, no meio interativo e na rádio, nós também temos um canal da CBeebies no YouTube, que é um serviço promocional destinado a adultos e crianças pequenas. Nossa audiência também acessa nosso conteúdo pelo serviço de atualização da BBC (BBC iPlayer). A cada mês, o iPlayer da BBC alcança em média 25 milhões de visualizações!

Sobre a grade que você oferece à audiência, existe algum equilíbrio entre live-action e animação? Qual das duas linguagens é mais eficiente para a primeira infância?

Na CBeebies há uma leve tendência para os conteúdos de animação, mas é bastante equilibrado. Ambos são igualmente efetivos para as crianças da pré-escola, que amam a cor e a fantasia da animação, mas também amam ver elas mesmas e suas vidas verdadeiramente refletidas na tela.

Como acontece o desenvolvimento de projetos da CBeebies?  Quanto tempo ele dura? Como é o relacionamento de vocês com as produtoras independentes?

A duração do desenvolvimento de projetos pode variar muito. Quando lidamos com marcas de animação internacionais, em especial, o processo de financiamento pode levar anos para se efetivar! Nós trabalhamos muito de perto com os produtores independentes na área de aquisições – nós raramente compramos séries completas “fora da estante” e preferimos investir cedo no processo de desenvolvimento de modo que possamos guiar o produtor a tornar seu programa mais apropriado para uma audiência internacional. Com as coproduções, o processo de desenvolvimento também pode levar algum tempo. “Tree Fu Tom”, por exemplo, criado e desenvolvido “dentro de casa” na CBeebies, levou 4 anos de trabalho para ser contratado sob nossa supervisão.

Tree Fu Tom

Tree Fu Tom – Série Cbeebies

Produções originais, coproduções e aquisições: existe um equilíbrio na composição da programação?

Na CBeebies temos uma cota de 70% de material original (inteiramente financiado por nós ou coproduções) e 30% de aquisições.

Quais são a série que respondem melhor para o canal neste momento?

Os dramas estão indo excepcionalmente bem para a CBeebies este ano – “Katie Morag” é uma série sobre uma jovem e sua família e sua comunidade nas Highlands da Escócia. “Topsy and Tim” é uma série sobre gêmeos, baseada em um ambiente doméstico; nós a chamamos de nossa primeira novela pré-escolar! Outro sucesso é um movimentado game-show de piratas chamado “Swashbuckle!”. As principais aquisições são “Octonautas” e “Peter Rabbit”.

Swashbuckle

Swashbuckle! – Série da Cbeebies

OctonautsBackground

Octonautas – Série da Cbeebies

Qual é sua impressão do mercado no Brasil e dos produtores brasileiros para as crianças?

Estive no Rio Content Market em março de 2014 – minha primeira vez no país – e conheci muitos produtores, que me mostraram projetos muito criativos. Sei que já existe um mercado internacional de animação infantil no Brasil, e que há uma ambição crescente por coproduções / aquisições e vendas no contexto pré-escolar. O contexto doméstico parece estar se tornando mais forte a cada dia. Foi muito interessante para mim começar a fazer novos relacionamentos no Rio. Espero que eles rendam frutos no futuro!

Topsy and Tim - Série Cbeebies

Topsy and Tim – Série Cbeebies