Novidades

Por: comKids (Redator)

GRAACC comemora avanços, acaba de ampliar seu hospital e lança campanha inédita com personagens infantis carequinhas.

graac

A ação faz parte da nova campanha do GRAACC, que terá personagens da Turma da Mônica, Rio2, Sítio do Pica-Pau, Menino Maluquinho e “cartoons” de cabeça raspada em 23/11, Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil

No Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantil – 23 de novembro, o GRAACC tem bons motivos para celebrar. Acaba de inaugurar a ampliação de seu hospital, que permitirá aumento em cerca de 30% de seu atendimento (atualmente três mil crianças e adolescentes passam pelo hospital anualmente) e está cada vez mais reconhecido pelos expressivos resultados obtidos dentro dos mais avançados padrões científicos, alcançando índices de cura de cerca de 70%.

Para comemorar a data (instituída por lei em 2008) e estimular ações preventivas e educativas relacionadas ao combate ao câncer infantil, o GRAACC lança a campanha “Criança com câncer tem que aproveitar a infância como qualquer criança”. Personagens famosos daTurma da Mônica, Turma do Sítio do Pica-Pau Amarelo, Menino Maluquinho, A Hora da Aventura, Peixonauta, Zuzubalândia, entre outros aparecerão de cabeça raspada na televisão, tirinhas de jornais, cinemas, mobiliário urbano, canais de vídeo na internet e redes sociais.

Acesse o site www.carequinhas.com.br para assistir os vídeos, ver os personagens carecas e usar as figuras em seu perfil no Facebook

Criada pela Ogilvy & Mather, o objetivo da ação é mostrar que a criança em tratamento do câncer pode e deve aproveitar a sua infância. “Uma das maiores preocupações do Hospital do GRAACC é mostrar que o câncer infantil tem cura. Se tratados em centros de referência, como o GRAACC, e se diagnosticados precocemente, os pequenos paciente podem alcançar taxas de cura que chegam a cerca de 70%”, diz Dr. Sérgio Petrilli, superintendente médico do GRAACC.

O Hospital do GRAACC é conhecido como um modelo de atendimento humanizado. Sua equipe multidisciplinar oferece tratamento psicológico a pacientes e seus familiares (até aos que estão fora de tratamento); escola móvel, na qual as crianças e adolescentes continuam estudando em áreas dentro do Hospital com professores especializados; Terapia Ocupacional e Fisioterapia (com uso de ferramentas tecnológicas, como tablets e videogames de movimento), além de acompanhamento nutricional. Ainda conta com espaços lúdicos voltados para crianças, como a Brinquedoteca Terapêutica Senninha, onde se pode brincar, jogar vídeo game, entrar na internet e pintar; e a Quimioteca Fundação Orsa (onde os pacientes tomam quimioterapia), que é cheia de cores, móbiles e tem atividades lúdicas com uso de computadores, livros, brinquedos, games e tablets. São áreas que recebem semanalmente a visita de palhaços e contadores de histórias. Também é natural passear pelo hospital e encontrar um cachorro visitando os pacientes, Joe Spencer é o Golden Retriever – voluntário no hospital, a partir do Projeto AmiCão, Joe tem direito a crachá e horário de trabalho.